Visita ao Cristo Redentor no Corcovado

O Pão de Açúcar com muitas nuvens. Foto: Talita Marchao

Já fiz o passeio ao Corcovado algumas vezes. Na primeira, não consegui ver NADA. Na segunda, tive a melhor vista da minha vida. Na terceira, vi alguma coisinha, mas saí decepcionada. E cheguei até lá de formas bem diferentes. Na primeira, fui com um grupo de passeios numa furada cara pra caramba; na segunda, fui com um taxista que me cobrou caro, mas foi mega gentil e alimentou macacos. O grande negócio foi a van usada para o terceiro passeio, que recomendo muito. Existe também o trem, mas já chego lá.




Do começo: o Cristo fica no Corcovado, que fica em Santa Teresa. Sim, você o vê da maioria dos bairros do Rio (não todos, veja bem). Por isso, você consegue ver se ele está encoberto ou não. E se a nuvem só estiver nele, nem adianta subir (acredite, experiência própria). O grande lance é que vale a pena comprar com antecedência pela internet, por causa das filas de turistas que sobem o dia todo. Mas e se você comprar e o dia estiver uma droga? Pois é… A vantagem do trem é que rola remarcar (mediante uma taxa, mas rola).

Mas vamos ao beabá: seja de van ou de trem, o esquema é ir até a estação Largo do Machado, no centro. Lá, você tem duas opções:

1- Pegar um ônibus de linha e ir até a estação de trem. Eles saem de meia em meia hora e juro que conto pra vocês como é a subida na minha próxima passada pelo Rio. Mas há boatos de que a vista é sensacional. Ele custa R$ 74 (subida, descida e ingresso, preço de setembro de 2017). Saiba mais aqui.

O centro (sim, a foto é de 2009). Foto: Talita Marchao

2- Você pega a van que faz ponto na frente da Igreja. Vale lembrar que essa mesma van sai de outros três pontos da cidade (tem também em Copacabana. Barra da Tijuca e Paineiras (essa é mais barata), além do Largo do Machado. Mas chegar em Paineiras dá um trabalhão, e nas outras duas você chega de metrô sem drama).  Os ingressos (subida, descida e entrada) custam R$ 61 em baixa temporada e R$ 74 na alta (finais de semana, feriados e no verão. Confirme os preços. É o Rio de Janeiro, tudo fica mais caro quando você pisca). Mais infos nesse site.

A prova de que não deu para ver nada em 2009.

Sobre o táxi: não vale a pena. É caro. Eles cobram por cabeça, e não por corrida. Se for pelo taxímetro, você deixa as calças no Rio (já que a espera será cobrada). Para não ser injusta, tem UMA vantagem: você pede para o motorista passar no Mirante Dona Marta, com a vista incrível do Pão de Açúcar (de um lado) e do Cristo (do outro) lá em cima. E o grupo de turismo então? Pior! Caro, caro.

Para ajudar no seu planejamento:
Booking: Quer reservar hospedagem com um preço camarada, ajudar o blog e ter a opção de cancelar?



Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: