нужно есть ou a primeira refeição na Rússia

Sinal de que a comida fica ali na frente

Se você não entendeu a primeira parte do título, certamente viverá de Mc Donald’s em Moscou, na Rússia, ou pagará uma fortuna para comer no hotel ou num dos restaurantes com menu bilíngue. Foi o meu drama até conhecer o Café МУ-МУ (que vamos chamar de Mu Mu daqui para frente). Além de ser barato e facilmente encontrado por toda a cidade (na maior parte das vezes, tem uma VACA GIGANTE na frente do restaurante),  tem a vantagem de ser self-service (abençoada seja a pessoa que inventou o self-service).   Afinal, a vida de um turista é muito mais simples quando você tem certeza de que aquele bolinho é de carne e que a sopa é de frango.

Descobri o Café Mu Mu por indicação da minha intérprete portuguesa. Segundo ela, era comida russa com cara de ocidental e os turistas brasileiros sempre queriam voltar lá, sinal de que era algo mais próximo do que eu estava acostumada a comer. E ela acertou em cheio. O lugar tem uma atmosfera de café mesmo, com uma bancada bem grande com os pratos. Mas veja bem: não é comida por quilo; você pega as porções já servidas e vai montando a sua refeição. O lugar é a salvação: café da manhã, almoço e jantar.

Sempre vale lembrar que o supermercado na Rússia é uma opção bem segura, na mesma linha do “só como o que consigo identificar”. Mas uma dica é muito importante: vá no dicionário, no google translator ou no wordreference.com e anote em algum canto ÁGUA SEM GÁS. Comprar água foi a minha maior dificuldade. E todas as garrafas eram com gás (não adianta chacoalhar, ela não faz bolha. A descoberta vem no tssssssss na hora de abrir o lacre).

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Um pensamento em “нужно есть ou a primeira refeição na Rússia”

%d blogueiros gostam disto: